O pobre do sapateiro,
Com o seu viver pobrezinho,
Além de ter muitos filhos
Tinha um pequenininho,
Que chamavam de José
E tratavam por Zezinho.

Esse era um bom menino
Por obra da Providência,
Apesar de ser tão novo
Tinha rara inteligência,
O seu pai se orgulhava
Por ver sua sapiência